Interface Zero, preview 2: A Vida em 2090 5


E agora vamos ao segundo preview do Interface Zero!

iz_logo

Então, como os eventos do Preview 1 impactaram a vida conforme chegamos à 2090? De várias maneiras, omae. Não dá tempo para entrar em grandes detalhes de como a guerra, a Erupção Solar e especialmente a ascensão do Charon afetaram a vida do cidadão comum do sprawl ao redor do mundo, mas eu falarei sobre alguns detalhes mais importantes. Preste atenção, galera; algo disso pode te ajudar a se manter vivos.

 

Sobrevivendo na Hiper Realidade

Como eu mencionei, quando a Erupção Solar derrubou a rede GENIE isso causou caos em larga escala. E mesmo a GENIE estando de volta e funcional, ainda existem glitches no sistema. Claro, as atualizações do firmware do Tendril Acess Processor — TAP como é normalmente conhecido — permitem que você desligue o modem no seu cérebro mas, bem… deixe me colocar deste modo: a Hiper Realidade se tornou mais esperta, até mesmo mortal, se você não tiver o software certo instalando em seu TAP.

#Sane_Prophet: Por que se importar em colocar mais e mais filtros? Não faz sentido. Uma luta fútil contra poderes muito maiores do que você. Abra seus olhos, abra sua mente e liberte-se dessa prisão chamada realidade.
#BatRastard: Isso aí, e assim que o primeiro meme fritar meus neurônios, eu estarei gastando as economias da minha vida no Fat Sally da esquina. Brilhante.
#Sane_Prophet: O molho secreto do Fat Sally é um portal inter dimensional ao êxtase.
#BatRastard: Na verdade, essa é a primeira coisa que eu e você concordamos.

Eu discuti esse fenômeno com diversos programadores ao redor do mundo, e todos eles concordam; virus, spam e todos os tipos de malware que [antes da Erupção Solar] teriam sido fáceis de tirar da sua cabeça agora estão se comportando muito diferente. É quase como se as coisas tivessem evoluído para algo não exatamente conscientes, mas bastante perto disso.

Então o que isso quer dizer para você?

Se você escolher experimentar a Hiper Realidade (e se você tem um TAP no seu cérebro, você tem que experimentar), é apenas uma questão de tempo antes que um desses virus invada o seu cérebro. Não há nada que, de fato, você possa fazer a respeito; é apenas mais um dos fatos curiosos da vida em 2090. Eu acho irônico que, após décadas aproveitando a conectividade e conveniência que o TAP proporcionou, essa tecnologia parece estar ativamente tentado nos matar e não há muito que possamos fazer a respeito disso sem retrocedermos à uma época medieval. Tipo 1980, sabe? Certamente, alguns de vocês vão querer desligar seus TAPs de uma vez por todas e evitar completamente o risco. Diabos, alguns de vocês podem até estar considerando remover a maldita coisa.

tap

Você pode fazer isso, claro. Certamente, isso significa que também não está conectado à rede e que tornaria sua vida inacreditavelmente inconveniente. Isso causa múltiplos problemas. Não acredita em mim? Tente sair de casa. Ah, certo, você não pode, porque a maioria das portas não tem mais maçanetas. Elas são automatizadas e respondem a sinais vindos do seu TAP. Eu sei, algumas são ativadas por sensores de movimento e não dependem do TAP. Mas nenhuma porta que é projetada com segurança em mente irá abrir tão facilmente.

Isso também significa que você tem acesso quase que zero à veículos, ou lugares onde você possa comprar coisas, como mercearias. É, claro, você pode simplesmente seguir alguém para dentro da loja em questão, mas as câmeras de segurança irão localizá-lo, e não tendo um registro digital da sua presença (que eles obtêm do TAP), irão marcá-lo e despacharão uma equipe de segurança para descobrir quem você é. Então você está no seu Malmart procurando por alguns bifes clonados para grelhar mais tarde, quando a segurança chega cheia de armas e “o que diabos você está fazendo aqui seu lixo?” a expressão da cara deles é a de chutar você de volta para as ruas de onde veio.

Ah! Como você planejava pagá-los, agora que o seu TAP tá offline e o balconista não pode sincronizar a sua registradora com o seu software de pagamento? E NÃO, eles não aceitam dinheiro. O ponto é esse, omae. Toda aquela conveniência a qual você estava acostumado é jogada no lixo quando você despluga. É muito mais fácil arrumar um firewall forte do que viver fora do sistema. Então pense sobre o que eu disse antes que você coce esse comichão na base do seu crânio com um bisturi.

Sobrevivendo às Ruas

As ruas sempre foram perigosas; isso é certo. Quando você amontoa milhões de pessoas em uma uma placa de petri de concreto e aço, e esquece de 99.9% deles, você cria um habitat perfeito para violência, ódio e involução social em tal escala que Darwinistas sociais como Herbert Spencer e Thomas Malthus se revirariam em seus túmulos.

Novamente, isso não traz nada de novo. As ruas sempre foram violentas, mas desde os eventos que eu descrevi se passaram — especialmente a Erupção Solar e a implosão da União Eurasiática — o número de sem tetos ao redor do mundo disparou. A placa de petri está espumando e transbordando conforme novas gangues surgem e formam seu território — e eu estou falando globalmente, não apenas na América do Norte. Isso perturba o equilíbrio, ami, e torna mais difícil ainda sobreviver quando você é apenas um qualquer tentando chegar ao fim do dia, porque agora você tem novos predadores para lidar: gangues de n00bs fazendo suas próprias regras. E os lambe-coturno também não ajudam.

Servir e proteger? Que monte de besteira.

hoverskate

Claro, você tem serviços Triplo-A se você vive em uma das bolhas de grana, mas tente arrumar ajuda em, digamos, Aurora Estéril, ou na Zona Infernal de Gary e você está basicamente fodido. É, existem patrulhas e drones sempre presentes, mas drones são abatidos a tiros e os policiais estão em menor número, a maioria está ou assustada demais para entrar em confronto com os predadores ou está levando algum. Eu também não posso dizer que os culpo. As ruas são uma zona de guerra, e se você usa um distintivo, você está marcado para morrer, omae. Então ouça o meu conselho e se arme. A única pessoa que você pode contar na selva de concreto é você.

#Sorry_U_Asked: Entretanto, pense duas vezes antes de reclamar a recompensa por um distintivo. Claro, vários honchos adoram pagar altos créditos por provas de que você manteve a lei longe de bisbilhotar em seus territórios. Mas só porque você viu alguém usando um, não significa que eles arranjaram de maneira legitima. Muitos membros de gangues os usam como troféus. Então se você sentar um tiro em um lambe-coturno, achando que vai tirar uma grana, você pode acabar com um bando de gângsteres rosnando nos seus calcanhares.

Sobrevivendo ao Jogo.

Existe um velho ditado: O Jogo é o Jogo — ou você joga ou jogam com você. Não me importa se você é contratar, é freelancer, luta, conserta, hackeia, remenda ou faz esquemas; você está nele omae, e isso o coloca em pé de igualdade à todos o outros jogadores lá fora. A maioria das pessoas se aproxima do jogo como o meio para um fim, achando que um belo dia eles ganharão créditos suficientes para ir a um lugar quente e seco e viver o resto de suas vidas com estilo. Esses palhaços não duram. Eles estão tão ocupados sonhando sobre tempos bons, que perdem o foco naquilo que está bem na sua cara (ou espreitando atrás deles). Sonhadores se tornam descuidados, tomam atalhos, traem seus sonhos e queimam sua reputação nas ruas como punks queimam lixo em lixeiras para se manterem quentes.

Se você quer sobreviver ao jogo, você precisa aprender uma lição com esses sonhadores: mantenha a sua mente no trabalho. Não há uma praia esperando por você. As megacorporações compraram todas e as transformaram em estacionamentos. O único suquinho de frutas que você irá beber é vendido na poça d’água local por um ronin queimado. O melhor que você vai conseguir é um pouco de conforto — normalmente dentro de um pequeno forte se for esperto — e o respeito das ruas. Mas isso é uma espada de dois gumes, outra faceta do jogo. Sempre tem alguém mais rápido do que você, algum emergente esfomeado chegando com os últimos aprimoramentos querendo se provar o maioral tirando você da jogada. É uma droga ser a vítima do seu próprio sucesso, mas essa é a verdade. Meu conselho? Ache um meio de sair limpo. Despeje alguns créditos, nunca queime seus contatos e nunca nunca se torne uma lenda.

viewing-room

Lendas morrem.


O financiamento do Interface Zero já está no ar! Já apoiou hoje? Vai lá e garante logo sua cópia com descontos, enquanto durarem!

card

A Revolução Está Chegando!
#arec

Preview 1: O caminho para 2090
Preview 2: A vida em 2090
Preview 3: Da carne ao metal!
Preview 4: Da mente à um cano fumegante!